QUERIDOS SEGUIDORES

sábado, 28 de maio de 2011

CAPELINHA DE MELÃO É DE SÃO JOÃO.....




























MATERIAL RETIRADO DA NET...
























quinta-feira, 26 de maio de 2011

PARALISAÇÃO NACIONAL no dia 31/05/2011.




video

O vídeo da Profª. Amanda Gurgel promoveu uma discussão nacional sobre as condições da aprendizagem no Brasil.
Através das redes sociais, convidamos todos os professores e a sociedade civil para

PARALISAÇÃO NACIONAL no dia 31/05/2011.

O intuito da PARALISAÇÃO é convidar as esferas governamentais para discussão acerca das condições de trabalho do professor como, a qualidade do ensino público e particular no Brasil. Assim, durante uma semana mobilizações em diversos locais do Brasil estará acontecendo.

créditos:http://mundoludicosrossine.blogspot.com/2011/05/parada-nacional-data-31de-maio-por-uma.html

PARABÉNS AMANDA GURGEL...

Você disse tudo aquilo que está engasgado durante anos.O Brasil precisa tomar um choque de realidade,porque esses panos quentes que são colocados sobre a EDUCAÇÂO DEFICITÁRIA do país já chegou ao nível insuportável...É bom sabermos que tem pessoas de fibra e coragem dentro da nossa classe que lutam pelos nossos direitos...
video

quarta-feira, 25 de maio de 2011

PAIS AUSENTES


PAIS AUSENTES

Achei muito interessante,retirei do Blog:
http://partilhandosugestoesescolares.blogspot.com/2011/05/pais-ausentes.html
Os pais Ausentes...

A presença dos pais sempre se fez necessária na educação dos filhos. E, hoje, o que se vê são crianças carentes, que se encontram perdidas entre a internet, tevê e videogames.

O fato de ambos os pais trabalharem fora de casa é, muitas vezes, apontado como um dos principais motivos que levam à falhas na educação infantil, tais como o aparecimento de inúmeros tipos de problemas de comportamentos por parte da criança. Dentre os principais problemas que podemos notar estão:


* Agressividade
* Problemas escolares (pais não participam da vida escolar)
* Drogas
* Carência afetiva
* Depressão


Freqüentes queixas que os pais levam ao consultório são de que estão cada vez mais ausentes e por isso não conseguem educar os filhos de forma correta. O importante é saber que pais ausentes não significa necessariamente pais displicentes. O que gera problemas na educação das crianças não é o fato dos pais trabalharem fora, mas a maneira como se comprometem com a educação de seus filhos, a forma como administram seu tempo e o tipo efetivo de educação que colocam em prática.


Pais podem estar fisicamente próximos de seus filhos durante a maior parte do dia, mas podem não estar afetivamente disponíveis a eles. Não conversam intimamente, não brincam, brigam e gritam a maior parte das vezes que se dirigem à criança. Por outro lado, existem famílias que, mesmo estando a maior parte do dia longe de seus filhos, conseguem manter um relacionamento próximo, afetuoso e se envolver na educação dos filhos.

Pais ausentes devem desenvolver algumas habilidades importantes para participarem ativamente na educação dos filhos:

* Administrar o tempo
* Serem afetivos
* Monitorar a distância
* Ser cuidadoso na escolha de com quem e onde deixar a criança na ausência
* Dar atenção
* Estarem acessíveis (para criança poder recorrer nos momentos em que precisar)

Pais que tiverem dificuldade em como lidar com os filhos e/ou quando os filhos apresentarem comportamentos problemáticos, devem procurar ajuda de um psicólogo infantil

Escrito pela Dra. Daniela Levy - Psicóloga
http://partilhandosugestoesescolares.blogspot.com/2011/05/pais-ausentes.html

quinta-feira, 19 de maio de 2011

A ALEGRIA DE ENSINAR









A alegria de ensinar é o combustível para o crescimento intelectual das crianças...

Educar, requer paciência,atenção e otimismo.

É preciso, um olhar especial para o interior do ser humano,para o conjunto,para o todo e não apenas para a indisciplina e o fracasso.

Caminhar como se fosse formiguinha,longe,ultrapassando barreiras e vencendo os obstáculos,mas chegando sempre!

Penso que educar requer ainda mais...

Ser feliz!Estar feliz!

Ensinar com otimismo e demonstrar até mesmo no olhar a satisfação de estar contribuindo com a construção da cidadania de alguém,pois daqui a 40 anos,não importará as coisas materiais que eu consegui...Mas as coisas boas que ensinei.Essas estarão presentes na memória e no coração daqueles que passaram pelas minhas mãos e talvez ,esses conceitos passarão de geração.

Profª Cris Vaccari

"As respostas nos permitem andar por terra firme. Mas somente as perguntas nos permitem entrar pelo mar desconhecido." (Rubem Alves).

terça-feira, 17 de maio de 2011

DIÁRIO DAS MENINAS


 
^